18/07/2017

Vampiros em Londres: Lenda viva


Gina tentou se levantar, mas loura pisou fortemente em seus braço com tanta força, que quebrou em dois lugar, junto com o som do estalou da fratura feio as ofensas. 

- Vou a arrancar seu coração sua cadela desgraçada. - Disse ela.

Enquanto isso o homem se levanta-se, passando a mão pelo corpo se limpando, sua visão estava meio turva quando viu um outra mulher pisando em cima do braço de Gina. Ele passou a mão nos olhou e pode enxergar melhor, ele sabia muito bem que era a mulher, era sua irmã Dalia. 

Ele pensou alto e as palavras sairão sem perceber. - Já não bastava uma agora duas?
Suas pupilas envermelharam e as veia perto do rostos saltaram, deixando-o ainda mais assustador, as suas irmãs estava algum metros de distância, ele deu o primeiro passo no segundo foi como ver um vulto rápido e certeiro. Chegou por traz da Dalia e abocanhou o pescoço dela por alguns segundos.

Ela se virou irada as marca da mordidas começaram a curar simultaneamente, os dois começaram a lutar se nenhum motivo aparente, ela partiu para cima dele chutando a barriga que fez ele perder o ar por segundo. Enquanto ele se recuperava ela foi até o banco, puxou e laçou contra o chão fazendo ele ficar em pedaço. 

Com pedaço de madeira na mão, ela corou o vento com sua velocidade até chegar em Filipi, ele já esperava com com uma arma com balas de madeira. Quando ela chegou ele engatilhou arma e apontou para ela, seria o tiro perfeito, bem no coração em poucos minutos ela seria um mote de pó. 

Ele só não conta com Gina que agarrou ele pelo cabelo e virou para ela, ela olhou para ele sorriu e debochou. - Para que apressa podemos brincar mais. - Sabe que sou um pouco sádica né. 

Ela ergue o joelho e começo a bater a cabeça fortemente contra o joelho, depois de alguns minutos ele já esta tonto o bastante, já era em tempo pois Dalia veio para cima com pedaço de madeira. Dina jogou Filipi de lado e agarrou a madeira da mão da irmã e enfiou na barriga, fazendo ela sentir um dor considerável, na contente ela golpeou Dalia na cabeça fazendo ela cair no chão com os olhos ainda aberto. 

Dina estava feliz, pelo reencontro caloroso com os irmão, imaginava milhões de coisas na sua cabeça doente e narcista, para fazer os irmãos sofrerem mas seus planos foram por água abaixo. 

De repente o tempo se fechou de uma hora para outra um nevoeiro cumpriu Londres inteira. Por experiência própria Gina sabia que aquilo não era comum era coisa de bruxa, e pela circunstancia ela sabia que a bruxa que fez aquilo era muito poderosa. 

No meio do nevoeiro silhuetas foram se formando três mulheres e um homem, Ela reconhecia aquelas pessoas mas não queria acreditar pois as estória relacionado elas eram tenebrosas. Dalia e felipi se levantaram e ficarão perplexo com Gina. - Eu pensei que fosse só uma lenda. - Exclamou Dalia.

- Pare-se que a lenda ganhou vida - Disse Gina

As quatro pessoas param alguns metros de distância a mulher de preto parecia a líder era astuta. Ela levantou o capuz e seu rosto apareceu era jovem, mas Gina sabia que a origem das história era mais de dois mil anos atrás. Aqueles eram os Caçadores uma família, a mais de dois mil anos foram amaldiçoadas e vagão o mundo caçado predadores vampiros, bruxas, lobisomens, Fadas entre outros seres. 

São poderosos impossível de matá-los, o que diferencia eles dos outros e a imortalidade. A mulher de preto apenas param em frente. Ergue a mão e faz um movimento de repente um forte dor de cabeça toma conta dos três vampiros. 

Ela se aproxima lentamente chegando perto deles. 

- Vampiros, descuidados e cruéis sabia que estou caçado você há um tempo Gina Mallak, Gina range os dentes e olha para ela com olhar de ódio, seus olhos se transformar ela olha debocha de Gina. 

- Vampira, não gaste sua força. 

Ela se afasta e a dor de cabeça passa ela toma impulso junto Filipi para ataca mas antes que pudesse a mulher pronuncio em uma língua antiga algum tipo de feitiço. 

- PARALISITUM MATRATUS. 

De repente eles travaram como pedra, era como se estivesse colados no chão...

CONTINUA....
                                    

13/07/2017

Tudo sobre A garota do trem por Paula Hawkins


Imagem retirada internet

Com certeza um dos livros mais comentados desde seu lançamento aqui no brasil, e logo em seguida o filme eque fez bastante sucesso hoje vamos conversar um pouquinho sobre A garota do trem!

Rachel, está com sua vida completamente se desmoronando, perdeu o emprego, o marido e a fundo suas magoa na bebida. Depois de descobrir a traição do marido Tom, Rachel se separa e vai morar com amiga. A vida dela e sempre a mesma coisa todos os dias, acorda todos os dias cedo, pega o trem e vai em direção a Londres, na esperança de arrumar serviço. 

De tarde ela volta, comprar bebida, fica no quarto dela enche a cara. Depois acorda com ressaca e repete o circulo repetidamente. Isso quando ela não vai para a casa do ex-marido no meio da noite, fazer barraco com ele e atual mulher Anna e a filhinha dos dois. 

Em uma dessa inda e vindas de trem Rachel sempre senta no mesmo lugar, onde ela fica observando as paisagens e as pessoas, e ela observa todos os dias a mesma casa e o mesmo casal. Excerto por um dia que ela vê algo de estranho nessa casa, e acaba ficando maniaca querendo saber mais sobre o casal e saber o que há de estranho. 

''A garota do trem'' foi um livro que flui muito, a autora conseguiu prender minha atenção a cada pagina que eu lia. Cada vez que lia o livro queria ler tudo de uma vez só. Na minha opinião oque faz a leitura fluir, foi como a Paula Hawkins alternou os capítulos, com os pontos de vistas de cada personagem, deixando a leitura dinâmica e gostosa. 

A construção de personagem também me deixou muito feliz, autora consegue coloca no papel como nos humanos realmente somos, não somos sem por cento bonzinhos ou cem por cento maus , somos humanos e humanos erram temos nos vícios e nossas fraquezas . Os personagem ganharam vida na minha mente, pude imaginar eles sem nenhuma dificuldades. 

O que não me agradou muito, foi a Rachel e sua estranha forma de criar estorias fictícias sobre as pessoas que ela nem conhece sem lá e meio coisa de maluco. Tirando isso o livro me agradou completamente o final e incrível dei quatro estrelas de cinco. 

06/04/2017

Sobre a Droga da obediência



Olá, galera tudo bem? Espero que sim, nesse post iremos falar de uma leitura bem gostosa e fácil que fiz na ultima semana.

Semana passada ganhei um livro que particularmente não faz meu estilo de leitura, mas decidi dar uma chance, e posso dizer com absoluta certeza que foi uma leitura legal apesar do livro ser para adolescentes.

O livro, se passa aqui no brasil mesmo, o cenário que temos de inicio e um colégio, onde temos um grupo de alunos que tem um club, que é os Karas, o chefe desse grupo e o Miguel, temos Magri a unica menina do clube, Calu e Cranio, o proposito desse clube e tentar resolver problemas, dentro da escola. A premissa desse livro logo que li a sinopsia não me agradou, mas a escrito do Paulo Coelho e tão boa que você vai dando chance até, que ela de fisga.

Como estava dizendo, os Karas resolvem, problemas não solucionado, mas tudo por debaixo dos panos pois eles não querem ser descobertos. O assunto do momento, que está em todo jornal, é o desaparecimento de alunos de algumas escolas. Eles querem saber o que esta acontecendo, a partir dai a história voa, e um aluno do colégio Elite também desapareceu, isso despertou nos Karas, a vontade saber o que esta acontecendo.

Não vou falar toda a história, pois se não perde a graça, mas basicamente, mais para frente eles descobre, que os alunos estão sendo usado, para o teste uma nova droga, a Droga da Obediência, que faz com que você, perda totalmente a capacidade de pensar, raciocinar ou opinar. 

Não posso contar muito se não vou acabar dando detalhes, que podem estragar a futura leitura de vocês, mas oque posso dizer que uma leitura rápida são menos de duzentas paginas, capítulos curtos, dão, que se tornar bem rápido para ler, Li esse livro em um dia espero que gostem até mais.

17/11/2016

Minhas series do momento #01




Olá, meus leitores.tudo bem? espero que sim sei que estou meio sumido mas logo volto com novos posts nesse post vamos falar um pouco das minha series do momento que são poucas mas que estou curtindo muito vamos para post.


1- Glee

Bom tenho que confessar que tenho preconceito com serie ou filmes musicais, para falar a real tenho muito preconceito, mas estava eu na tela do Netflix procurando novas series quando olho para a Glee, eu pensei, assisto ou não assisto.

E dei uma chance e hoje estou viciado nessa serie, a forma como eles enfrentam as diferença entre eles e incrível e inspiração em forma de serie, Glee foi um sucesso mas terminou em 2015, tem no Netflix todas seis temporada .


2- Grey's Anatomy

Como falar dessa serie incrível, que já tenho até uma certa intimidade. Essa serie quando comecei assistir de momento não achei a melhor serie do mundo, mas os episódios foram passando eu fui me apegando,e hoje sou fã de carteirinha. O bom da serie, 'pelo menos para mim' é que ela tem muitas temporadas, atualmente está na sua 13 temporada.

E para os futuros fãs estou dando  uma dica de amigo. não se apegue muito as personagem, pois nossa querida Shonda Rhimes,sempre acha um jeito de despedaçar nossos corações só isso que falo



3- As bruxas de East End 

Bom gente essa serie entrou recente mente no catálogo do Netflix, e comecei a assistir sem nenhuma pre-tenção, tirando um pouco os efeitos especiais que são meios ruins a historia e muito legal, as vezes por ser uma serie de bruxa a gente tem aquele preconceito e não leva em conta a historia que é bacana, infelizmente a serie não teve final mas vale apana conferir.



26/09/2016

Tudo sobre o filme Deus não esta Morto!

Imagem: tirada da internet.



Olá, galera tudo bem, nesse post vamos conversar sobre o filme ''Deus não esta morto'' assisti recentemente e vamos falar dele nesse post.

Já para começou de conversa temos que ter a consciência, que esse filme foi baseado em denuncia contra faculdades por intolerância religiosa, esse filme também tem uma continuação. provavelmente vou assistir e comentar com vocês aqui.

O filme vai começar, no campus da faculdade, onde temos vários estudante que estão se inscrevendo para os cursos, e um desse estudante e nosso protagonista principal Josh Wheaton, ele se escreveu para o curso de filosofia com o professor Jeffery Randisson, que é ateu.

Todos os alunos chegam a sala e se sentam, e o professor simplesmente, olha para todos e diz que para começar dar inicio as aulas, todos teriam que escrever em uma folha, a seguinte frase, ''Deus esta Morto'', todos escreveu, menos Josh, que se recusou a escrever.

O clima fica tenso, porque o professor Randisson, é ateu, e quer convencer á todos que Deus não existe. Nesse meio tempo propõem um desafio para Josh, ele teria que provar para todos os alunos, que Deus existe, em três aulas ou seria reprovado. 

O filme não vai só contar a história de Josh, mas também de outros personagem como, Amy Ryan, uma blogueira, que foi diagnosticada com câncer em face terminal, e que por sinal não esta feliz com o Todo poderoso, Alem de Amy, o filme conta a história de Ayisha, filha de um Muçulmano, que se converteu ao cristianismo e foi expulsa de casa pelo próprio pai que não aceita ela crer em jesus.

Quando comecei assisti o filme achei que iria odiar, pois odeio filmes que contas várias histórias ao mesmo tempo, mas o final me surpreende pois de certa forma todas as história acaba se interligando. É a grande questão desse filme na minha opinião e que não importa no que você acredita, ou não acredita tem que a ver o repeito de ambos os lados.

21/09/2016

Playlist da semana #10



Mercy




Carry Me 




We Don't Talk Anymore 



19/09/2016

Inspiração em forma de filme.


Olá galera tudo bem, eu sei que estou meio sumido, mas voltei, e nesse post vou falar de um dos filmes vai proveitoso que já assisti, um filme que é inspiração pura vou conversar um pouco sobre o filme Magia Alem das Palavras.

Estava eu vasculhando o catalogo do Netflix, quando encontro esse filme inspirador e nostálgico, o filme vai relatar a vida de Joanne Rowling, autora de Harry Potter, e eu só tenho uma palavra para esse filme ESPETACULAR.

O filme começa mostrando a infância da autora junto com a irmã, e seus amigos, e o mais incrível e que agente observar varias coisa que nos lembra Harry Potter, como o uniforme da escola onde Joanne frequentava quando criança.

Para mim o momento mais magico, do filme e o exato momento que surge a ideia de criar Harry Potter, e o mais interessante e que o momento que surge a ideia, e quase a mesma cena que Harry conhece Rony no expresso Hogwart, e se for parar para pensar olha a mente incrível dessa mulher, com as pequena coisa que ela foi observando ela criou um mundo incrível e muito rico de detalhes.

No filme fica claro que nem tudo era um mar de flores na vida da J.K, ela teve que batalhar muito para atingir seu objetivo, depois de perder o emprego de professora de Inglês, teve que viver sustentar a filha com o auxilio do governo, que era muito pouco e nas poucas horas vagas que tinha botava o maravilhoso mundo que tinha na cabeça no papel.

E essa e minha indicação, um filme inspirador, que tem uma mensagem muito boa foi a melhor coisa que assisti essa semana, e eu super indico.

23/08/2016

Tudo sobre a Segundo temporada de Penny Dreadful


Olá, sejam bem vindo a mais um post, e hoje vamos conversar um pouco sobre a segunda temporada da aclamada serie Penny Dreadful, infelizmente foi cancelada esse ano. Fiz um post da primeira temporada da serie se você quiser ver click aqui.

Esta temporada as coisas foram bem mais sinistra, do que a primeira, se já na primeira temporada achamos que Vanessa Ives, é uma pessoa obscura, nessa temporada, vamos ter certeza absoluta.

Vanessa e Ethan, esta andando em uma carro age, pela ruas, quando, algo estranho acontece, eles são atacados por seres sinistros, mulheres deformadas, e careca, que começam a falar em uma língua estranha, mas de repente, vanessa começa a falar com a mulher com a tal língua estranha, e aquele ser estranho, fica com medo de Vanessa e some.

Chegando na mansão Ethan quer descobrir oque eram aqueles seres, e Vanessa sabia exatamente oque eram aqueles seres, são seres da noite,bruxas, a língua estranha que eles falavam é Verbus Diablo, a língua do diabo, vanessa sabia dessas coisa pois conheceu uma bruxa no passado que lhe ensinos tudo, vai ter um episódio falando sobre essa bruxa em que vanessa conheceu.

Sr. Malcon, se apaixona por uma mulher, que mal sabe ele, que ela é uma bruxa, e o tempo passa e Sr. Malcon descobre a verdade, a tal bruxa sequestra Sr. Malcon e Vanessa, vai tentar resgatar ele com a ajuda de Ethan, Dr. Victor, Sr. Lily, Sembene, chegando no castelo a bruxa esta a espera de Vanessa que leva em uma sala cheia de bonecos, quando ela olha para o lado, tem um boneca, igual há ela, essa boneca esta vivo e adivinha que é o boneco ninguém mais ninguém menos que o próprio, Diabo em pessoa.

Ele faz uma proposta para Vanessa, se recusa, e começa a falar Verbus Diablo, e ela derrota o demônio. Outros aconteceu outras coisa nessa temporada mais é claro que. eu não vou revelar nada se quiser saber tem que assistir, ok, bom esse foi o post.

17/08/2016

Cidade de Papel Livro (John Green)


Olá, sejam bem vindos a mais um post e hoje vamos conversar sobre o livro Cidade De Papel, do queridíssimo John Green, e logo de começou quero deixar claro que esse não me livro preferido do John Green, para mim Quem é você Alasca?, e o melhor livro do John, mas cidade de papel não é também um livro ruim.

Cidade de papel fala sobre a paixão que Quentin tem pela sua vizinha Margo, que já mora do lado da casa dele há um tempão, eles eram bem próximos quando criança mas quando ficaram adolescentes se afastaram,  o mais legal do livro é que os primeiros capítulo vai se passar quando Quentin e Margo eram pequenos, então os leitores vão ter a oportunidade de ver como eles era chegados e depois eles adolescentes, no ultimo anos de escola.

Quentin é um garoto normal, mas como todo personagem do John, ele nerd tem poucos amigos, os amigos mais chegados com Quentin e Ben e Radar .Ben sofre bullyng pelo incidente das calças molhada de sangue (nada grave), Radar e mais ligado no seu site vive com seu tablet na mão. Apesar de Ben e Radar ser personagem secundários, eu leria um livro solo deles eles são super bem humorados, 

O colégio para trio inseparado, e normal, graças a proteção da Margo, Quentin tem um rotina quase todos os dias a maioria das vezes chega a trassado na escola, estuda, olha no relógio e pensa na amada. Quentin não sabia mas aquela noite iria entrar para a história.

Quentin estava no seu quarto sem nem um pretensão, margo entra no quarto pela janela e ordena que ele vire seu motorista na quela noite , e Quentin não sabe dizer não ha Margo ele topa, mas ai fica a pergunta para que ela precisa de um motorista?

Essa noite vai envolver vingança. ressentimentos e muita mais muita criatividades, Margo preparou uma lista de pessoas que há magoaram de uns meses para cá, e mesmo correndo o risco de ser preço ele passa o resto da madrugada fazendo tudo que Margo pedi. E ele pensa depois de tudo que passamos nessa madrugada será que ela vai falar comigo no colégio.

E adivinha só, ela não fala, e não ela, não ignora, sabe porque? Porque ela sumiu do mapa. esse desaparecimento era o que precisava para Quentin botar sua vida de cabeça para baixo. O cara não pensa em mais nada a não ser em achar a doce e bela Margo, ele passa vinte e quatro horas por dia pensando em encontrar.

A narrativa desse livro é empolgante, a gente começa a ler e não para mais mas acho que o John devia ter dado um final melhor para Quentin e Margo, aquele final não me conquistou muito. 

Eu indico o livro para quem curte livro de engraçado e romance,é super divertido tentar descobrir o paradeiro de Margo junto com Quentin ,Ben e Radar.



Uma cidade de papel para uma menina de papel. (…) Eu olhava para baixo e pensava que eu era feita de papel. Eu é que era uma pessoa frágil e dobrável, e não os outros. E o lance é o seguinte: as pessoas adoram a ideia de uma menina de papel. Sempre adoraram. E o pior é que eu também adorava. Eu tinha cultivado aquilo, entende? Porque é o máximo ser uma ideia que agrada a todos. Mas eu nunca poderia ser aquela ideia para mim, não totalmente.
                                                                                                                       Margo Roth Spiegelman 

15/08/2016

Playlist da semana #09




Carry On



Nossa Historia 



Querendo Te Encontrar